Viver em colaboração amando-me.

Sou um homem forte, confiante, comprometido e livre. Vivendo o presente, compartilhando amor, sabedoria e alegria.

Apaixonado por colaboração, acredito que a abundância de recursos está diretamente associada a conexão das pessoas com propósito comum.

Como é dizer que para me sentir bem escolho X?

Fiquei imaginando cenários, em reuniões conflituosas, em que em algum momento eu soltasse a seguinte frase.

Pessoa eu me sentiria bem, e faria bem pra mim se escolhêssemos fazer uma pausa agora.

Ou melhor, se escolheremos não decidir este conflito agora e darmos mais tempo para ver o que acontece.

Talvez falarmos conectados ao que sentimos, possa fortalecer nossa fala, e de alguma forma comunicar em outro nível com o outro, fortalecendo as relações.

Dizer que estou escolhendo A ao invés de B, por que me faz sentir melhor, e me faz bem, pode facilitar a comunicação e fazer com que eu comunique a real intenção de uma escolha, ou o Para quê genuíno.

Na maioria das vezes escolhemos por que sentimos, e tudo bem, mas escolhemos em algum nível, permitimos ou escolhemos tudo que nos acontece.

Como permito situações que não me fazem sentir bem?

Como permito situações que não me fazem sentir bem?

Por que não começamos tudo com uma apreciação? (13/out)