Viver em colaboração amando-me.

Sou um homem forte, confiante, comprometido e livre. Vivendo o presente, compartilhando amor, sabedoria e alegria.

Apaixonado por colaboração, acredito que a abundância de recursos está diretamente associada a conexão das pessoas com propósito comum.

Como escolher quando duas oportunidades boas se apresentam? Como aceitar a renuncia?

Sabe aquele pensamento imediato do, “bahh ta difícil escolher…”

Pois é, quando só podemos escolher uma bola de sorvete, passamos por algo parecido, e vem pra mim a pergunta de que sabores quero escolher agora? Fico sempre no doce de leite.

Sinto que fazer perguntas…

  • de quê sabores?

  • Qual me proporciona experimentar mais de mim?

  • Qual me traz mais aprendizado?

  • Qual tem o desafio maior?

  • QUAL ESCOLHO? Qual vai me fazer bem?

Me apoiam em grau de comparação entre uma e outra, muitas vezes ainda as duas opções se equiparam em todas as perguntas, e talvez escolher a que vou dar atenção agora, e renunciar a outra não definitivamente, mas posterga-la para um outro momento, pode em si facilitar que nos façamos felizes nesta escolha.

Ao escolher UMA, renunciamos a outra, é um momento ambíguo de felicidade e tristeza, já que estamos felizes pela escolha, pelo escolhido, e ao mesmo tempo tristes pelo que renunciamos. Sustentar esta tristeza, entende-la, acolhe-la, e dizer a si mesmo que esta tudo bem, que é o melhor pra mim AGORA, permite-nos ANFITRIARMOS A NÓS MESMOS.

É lindo quando percebemos que estamos nos anfitriando, é a mesma sensação de quando arrumamos nossa cama, para descansarmos, ou quando nos arrumamos frente ao espelho.

Anfitriar-se não é só estender a alegria de si, mas também abraçar a tristeza do não escolhido, trazendo outra perspectiva futura de possibilidade, ou simplesmente encerrando uma lacuna, que talvez nunca mais se abra, e não sabemos, só sabemos do agora, do que nos faz bem, e dos caminhos que seguimos através das nossas escolhas.

Como a escuta atenta demonstra respeito?

Como a escuta atenta demonstra respeito?

Como ampliar as possibilidades de Escolha? O que acontece com a grande maioria que não se vê escolhendo?

0