Viver em colaboração amando-me.

Sou um homem forte, confiante, comprometido e livre. Vivendo o presente, compartilhando amor, sabedoria e alegria.

Apaixonado por colaboração, acredito que a abundância de recursos está diretamente associada a conexão das pessoas com propósito comum.

Cuidar de mim? Como?

Como? O que é cuidar de mim?

Percebo varias formas do autocuidado, o zelo por si próprio, normalmente a primeira idéia que me vem a mente é "dieta e exercícios", afinal um eterno ser em sobrepeso como eu coloca pra si essa meta quase sempre inalcançável ou julgada difícil, será?

Ja me experimentei perdendo peso, 1, 2 e mais vezes, 18kg na primeira, 33kg na segunda, 12kg na terceira, e quantas vezes sei lá essa sanfona tocou. Olho com outro olhar pra essas metas e desafios, quando digo "estou comprometido" ou "escolho me comprometer comigo mesmo" talvez estes desafios soem mais suaves.

Tive a grata experiência de passar 29 dias ininterruptos cuidando de mim,  em Santiago no Chile em Janeiro no Seminário Insight IV,  foi uma escolha, nada fácil de programar. Mas imaginem um mês inteiro dedicado única e exclusivamente a cuidar de mim, a aprender a me auto-facilitar na busca do propósito do meu coração.

Nestes 29 dias, fiz exercícios diariamente, me alimentei corretamente, meditei, escrevi, tive momentos de pensamento e auto-reflexão, aprendi, experimentei e vivi momentos extraordinários, mas uma das coisas mais impactantes era um compromisso comigo mesmo de não usar o soneca do celular. Não sei com quantos acontece, mas me deito a noite e prometo pra mim mesmo "não vou usar o soneca amanhã de manhã e vou me levantar as 6:15"e normalmente o que acontece? Uso o soneca umas 3 vezes, minto pra mim mesmo, saio da cama meia hora depois do meu acordo próprio e já começo dia perdendo energia, e descuidando de mim, afinal se mentir pros outros é um descuidado, mentir pra si próprio é um atentado particular ao cuidado.

Trago essa percepção, por que a primeira promessa que faço pra mim mesmo no inicio do dia já descumpro, o que pensará o meu corpo ou a minha mente com os demais compromissos que faço ao longo do dia?

É tão fácil se comprometer com os demais, e as vezes tão ingênuo e duro se comprometer consigo próprio. O autocuidado começa com o auto-comprometimento, cuidar de si é ser fiel aos compromissos que fazes contigo mesmo. Termino esse paragrafo e me percebo em divida ou não comprometido comigo neste instante, porém ao invés de escolher me auto-julgar e me punir, escolho estar bem comigo mesmo, renegociar meus compromissos internos, e neste estado de bem estar próprio e autocuidado estar disponível para seguir vivendo em colaboração.

Como estabelecer compromissos realistas consigo próprio?

Como estabelecer compromissos realistas consigo próprio?

Como faço para pedir o que preciso? Na hora que preciso?

0