Viver em colaboração amando-me.

Sou um homem forte, confiante, comprometido e livre. Vivendo o presente, compartilhando amor, sabedoria e alegria.

Apaixonado por colaboração, acredito que a abundância de recursos está diretamente associada a conexão das pessoas com propósito comum.

PARA QUÊ SIMPLIFICAR?

Para viver em comunidade…Para que viver em comunidades?

Para ter uma melhor qualidade de vida…Para que ter melhor qualidade de vida?

Para poder experimentar e aprender mais…Para que experimentar e aprender mais?

Para continuar evoluindo…Para que continuar evoluindo?

Para me fazer feliz.

Posso tomar qualquer caminho ou outra perspectiva, ao responder esta pergunta provocativa. E ela pode me conectar de várias formas. Dia 25 de novembro assisti a um papo do Edson Matsuo, e eu já apaixonado por perguntas, e um artista na arte de perguntar, fui pego de surpresa, com uma interação onde só existiram perguntas, e num dos papos fiquei com a pergunta, por que os propósitos que conectam pessoas não podem ser vivos e transformados em perguntas?

Pois é, pra minha grata surpresa, a proposta de fazer isso aconteceu e virou realidade.

A pergunta deste texto não é minha, e sim o PROPÓSITO DA SIMPLIFY, nosso guia invisível, nossa ferramenta mais poderosa, que muito provavelmente vai nos apoiar na resolução de qualquer conflito ou duvida de por onde seguir, simplesmente simplificando.

Já escrevi aqui de onde veio o SIMPLIFY, e por isso, para simplificar precisamos viver em comunidade, e simplificando podemos ser mais criativos e evolutivos.

Então para quê a Simplify pra ti?

Então para quê a SimplifY pra ti?

Então para quê a SimplifY pra ti?

Como tornar um espaço vivo, nutrido e em movimento?