Viver em colaboração amando-me.

Sou um homem forte, confiante, comprometido e livre. Vivendo o presente, compartilhando amor, sabedoria e alegria.

Apaixonado por colaboração, acredito que a abundância de recursos está diretamente associada a conexão das pessoas com propósito comum.

Quando é a hora de acordar?

Tenho um lado preguiçoso que vive em mim, sempre que posso durmo até mais tarde.

E então veio o Benjamin, me trazendo outros olhares sobre a hora de acordar, nos últimos meses acordei de sonhos escrevendo, acordei com gemidos de alguém querendo mamar, acordei para trocar fraldas e acordei também a respeito de diversos pensamentos sobre mim que me bloqueavam.

Estamos adormecidos, pelo menos eu estava, minha perspectiva estava adormecida. Vejo o ir e vir, a busca incessante por conhecimento, grana e sucesso e fico desatento ao que acontece do meu lado.

Sinto que é hora de acordar para muitas coisas…

…o acordar de uma sociedade doente com muitos vicios

…o acordar de um sistema baseado em escassez que está doente.

…o acordar para outras formas de estarmos em coletivo.

…o acordar para a situação de muitos pais e mães que criam seus filhos sozinhos.

….o acordar pra a educação antes que não seja mais possível.

E em meio a tudo isso o acordar para a simplicidade, eu e muitos na minha volta estamos complicando de mais as coisas, complicando de mais as relações, processos e interações entre humanos, que o acordar se espalhe, que seja um acordar do fazer, do colocar em movimento através da simplicidade.

Hoje acordei mais cedo, para me lembrar de que preciso acordar de mais dormências durante o dia.

E se conectássemos tudo com a mesma direção?

E se conectássemos tudo com a mesma direção?

Qual o significado de celebrar? (23/fev)