Viver em colaboração amando-me.

Sou um homem forte, confiante, comprometido e livre. Vivendo o presente, compartilhando amor, sabedoria e alegria.

Apaixonado por colaboração, acredito que a abundância de recursos está diretamente associada a conexão das pessoas com propósito comum.

Como impactar A gerando valor pra B?

Venho confirmando cada vez mais que a entrega de valor é sistêmica, e acabo gerando pulsos, mas me pergunto para quem é importante o impacto que estou gerando além de mim mesmo?

Segunda feira passada estive a frente de 200 alunos, 400 olhos brilhantes. Somo a estes olhares os olhos brilhantes de professores, e penso como é bom termos professores que brilham os olhos, foi um pequeno impacto, que precisa se manter reverberando para não se perder a energia, é como se eu tivesse colocado algo em movimento que preciso pelo menos continuar enviando energia para não parar, até que eu possa me assegurar que os impactados propagam o impacto.

Estudei as ondas na física, e sinto que o impacto é um processo de onda que reverbera. Que atinge outros níveis. A 2 semanas atrás dei um workshop para uma pessoa apenas, essa uma pessoa saiu com os olhos brilhantes, fez acontecer um hackathon, e trouxe a secretaria de inovação inteira pra conhecer a Simplify. Foram 12 participantes o tempo todo, mas umas 20 pessoas interagindo e criando 3 projetos de impacto. Não sei o impacto que isso gerará, e indiretamente acabo me sentindo parte.

Mas por que a pergunta de A e B, quando impacto A também gero valor para A, só que muitas vezes o valor que recebeu de volta vem em outra forma, que ainda não consigo medir. Por que envolvo B, por que sim é necessário envolver o B para poder me sustentar.

Traduzindo a maluquice do paragrafo anterior, entrego valor direto para pessoas, para Customer, mas preciso receber valor de Business, meu negocio que gera GRANA é BxB e que gera impacto é BxC, como traduzir isso a todos não sei, só sei que gero duplo valor, impacto pessoas e preciso me remunerar do impacto de empresas, e sim preciso me “remunerar”mas num sentido de ser reconhecido financeiramente por empresas para qual possa entregar valor.

O que sei fazer, além de vender sonhos, desperto motivação, autogestão e liderança em indivíduos. Empolgo, provoco entusiasmo se o ambiente me permitir, só que preciso de apoio para sustentação deste depois, já que o mindset tradicional nos engole a todo instante. O que quero dizer com isso, estou dando partida a um projeto genuinamente conectado com meu coração, impactando 25 pessoas diretamente que irão me ajudar a gerar valor para empresas, o como ainda não sei, mas faremos juntos.

Vou impactar A gerando valor para B, eu e o Freddy Cusco, e vamos mudar o jogo, acredito e confio.

E sobre a pergunta, confiar e acreditar que dará certo, colocando uma meta é minha confiança de que esse piloto vai ser um sucesso.

Como persistir na entrega de valor constante sem equilíbrio de retorno?

Como persistir na entrega de valor constante sem equilíbrio de retorno?

Como mudar o olhar do negociador e atuar no win+win+win?

0