top of page
  • Foto do escritorRafael Urquhart

Afinal quanto tempo no seu dia você passa preocupado?

Acumulando pensamentos.


Distraído pelo bombardeio de informações.


Eu passo muito tempo preocupado.


Como medir esse tempo? O tempo no celular já conseguimos mensurar, mas e o tempo preocupado?


Hoje pela manhã resolvi praticar uma meditação simples, iniciar talvez uma retomada de habito para esvaziar pensamentos. Como medir o progresso?


Posso talvez mensurar o dia de 1 a 5, de pouco a muito preocupado.


Posso carregar comigo uma cartelinha pra marcar a quantidade de vezes que me percebi preocupado, o que é uma boa medida e má medida. Já que muito provavelmente na maioria das vezes eu nem me dou conta que estou me preocupando em demasia.


Então, quanto tempo de fato passamos carregando nosso cérebro com preocupações desnecessárias. Sim, por que nem todas "Pré-ocupações" são ruins caso sejam transformadas em informação e atitute.


Por exemplo eu estou com um problema em casa, passei as ultimas 4 semanas lutando com um balde por conta de um ar-condicionado que pinga para dentro de casa. Passei dias me preocupando e gastando tempo chamando um técnico pra resolver (insistindo no mesmo técnico que fez a instalação pra não perder mais dinheiro). Resulta que isso tem me preocupado, ao longo do dia trabalhando essa situação me tira a atenção.


Ontem resolvi tentar consertar, fiz um experimento, inicialmente deu certo, mas não funcionou por muito tempo, bolei outra estratégia, e ainda assim não consegui, hoje mais uma tentativa, até achar o modelo certo. Ainda não é a solução definitiva (essa só vai acontecer quando vier o técnico de fato). Mas uma atitude, reduziu o volume de preocupação desperdiçada, e por fim tempo jogado fora.


Nesse caso foi possível tomar uma ação. Mas existem infinitos outros que isso não é possível. O que fazer então?


Olhando para a situação agora dessa outra perspectiva voltada para a ação, fica mais fácil perceber o quão importante é dar o primeiro passo. Sentir que esta preocupado, escrever sobre o que está preocupado, e se perguntar o que faço com essa preocupação?


Afinal não é sobre quanto tempo me preocupa, mas sim, o que preciso fazer que está ao meu alcance que reduz ou elimina essa preocupação.


O que você faz quando se sente preocupado?



1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Quais as perspectivas de documentar as relações?

Uma foto. Uma mensagem. Um filme. Uma lembrança. Uma ou infinitas histórias. As relações acontecem no agora, mas deixam rastros pela eternidade. Uma briga ou palavra mal dita, uma mensagem bem ou mal

תגובות


Post: Blog2_Post
bottom of page