• Rafael Urquhart

Como usarmos a criatividade para sairmos de soluções de escassez para experimentarmos soluções basea

1? Criatividade?

“Colocar qualidade que pões nas atividades que estas fazendo….

Faça o que faças, se o fazes prazerosamente, se o fazes amorosamente, e a ação não é puramente econômica, então és Criativo. Quando és criativo és divino.” OSHO

2? Soluções?

O que são soluções, misturas de cura? ou resolução de problemas? Se existe a NECESSIDADE de solução é por que existe um problema.

Estamos focados em problemas e soluções, o tempo todo, o dia todo, em todos os momentos que tomamos decisões…e para quê? Qual a real NECESSIDADE?

PODEMOS MUDAR O FOCO, mudar a PERSPECTIVA.

O que temos, que recursos podemos acessar ao confrontar essa necessidade que nos surge? Precisamos ter ou acessar algo para atender uma necessidade?

Gosto de responder perguntas por que nos fazem pensar, hoje é meu trigésimo texto, um mês fazendo o que gosto, falando sobre pensamentos que me movem, me divertindo, amando o que escrevo sem critica ao escrever bem ou mal, simplesmente atendendo MINHA NECESSIDADE DE ME EXPRESSAR NO MUNDO.

Pois bem, talvez sem dar me por conta, criei uma abundância de perguntas e possibilidade de caminhos e aprendizagens, ontem aqui no Art of Hosting Cordoba, participamos de um Open Space, pra falar sobre o que acontece nas organizações que evoluem, e incrivelmente surgiram abundâncias de conhecimentos, soluções e perspectivas simplesmente da troca de experiências entre as pessoas.

Me pergunto estamos conversando o suficiente? Estamos compartilhando o suficiente? ou estamos estocando soluções e recursos dentro de nós mesmos?

A abertura, a vulnerabilidade, o compartilhamento, a disponibilidade perene de acesso, são sinais de um mundo abundante?

Como fazer o que se ama gerando abundância ao seu entorno?

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo