top of page
  • Foto do escritorRafael Urquhart

O que você faz quando se sente preocupado?

Atualizado: 26 de mar. de 2023

Normalmente penso, só penso, tendo alguma estratégia, mas de fato consumo um tempo pensando, sem ação alguma.


Se preocupar deveria ser um sinal, um disparo para mudar a estratégia e agir. Mas nem sempre é o que acontece, fico esperando que algo mude, que algum fato novo aconteça que altera essa sensação. É quase uma ansiedade por ser salvo por alguém ou um fato.


Quanto mais me preocupo, mais preocupo ainda, num ciclo infinito incremental de preocupação.


Despreocupar as vezes é deixar de lado, mas na maioria das vezes não se resolve, fica ali, de canto, crescendo sozinho até que volta novamente ainda mais forte. Poderia chamar de monstrinho da preocupação que alimento regularmente.


Despreocupar deveria ser resolver, ou riscar da lista, ou delegar para alguém, ou simplificar o que pode ser feito e fazer. Em uma dessas 3 alternativas entendo que uma preocupação que só depende de você pode ser resolvida.


Ainda se não puder. Existe a possibilidade de encarar o fato como a realidade que se apresenta. Aceitar, se resignar pelo tempo que for, trabalhar pra se acostumar, até que existam mecanismos pra superar esse desafio.


Superação, talvez. Aceitação sim.


Tudo passa, tudo passará. O importante é você estar atento ao caminho.


Como estar atento aos meus limites?

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Quais as perspectivas de documentar as relações?

Uma foto. Uma mensagem. Um filme. Uma lembrança. Uma ou infinitas histórias. As relações acontecem no agora, mas deixam rastros pela eternidade. Uma briga ou palavra mal dita, uma mensagem bem ou mal

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page