• Rafael Urquhart

Quanto uma intenção permanece no tempo? (13/jul)

Plantar na Simplify…

Win, win, win na Simplify…

Sinais distintos mas que comunicam a mesma coisa, devolver a terra o que é tirado dela, devolver mais do que se tirou, gerar um ganho a terra, plantar, semear para voltar a colher.

Duas intenções que foram faladas no dia de cocriação, nos primeiros movimentos e que com o tempo não foram atendidas ou olhadas, mas estavam lá, nutridas entre varias conversas. Eis que no meio de um curso introdutório Dragon Dreaming estas intenções voltam a tona pela voz de outros, e se transforma em um lindo projeto, feito por muitos, com ganhos individuais, coletivos e pro mundo. Com verde, com terra, com sementes, com nutrir, regar, e destino a colheita.

Um projeto pequeno aos olhos de muitos, mas com mais de 10 potinhos semeados, alguns com mais corpo outros ainda pequenos, movimentos que permitem acreditar que uma intenção comunicada, falada e conversada entre muitos em algum momento vinga e floresce.

É a mesma metáfora da semente, demora um tempo até o broto aparecer, a flor nascer, e o fruto trazer a sua cor, tudo ao seu tempo, pode ser que tenha chegado um pequeno tempo, de muita coisa que ainda irá brotar.

Quando convidamos alguém pra jogar e tirarmos o nosso melhor?

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Um verbo. Pronto, até aqui concordamos todos. Este é o limite do meu consicente, do pensar, do entender que consigo conectar com qualquer um que me lê, até o meu eu do futuro. O que é? Para quem? De f